Buscar

Grupo Guidoni tipo exportação



Referência no desenvolvimento de tecnologias, diversidade de materiais e conexão com o mercado


Pioneiros e com a visão corajosa de empreendedores, os irmãos José Antônio e José Geraldo Guidoni deixaram para trás a produção de café e a irrigação, na década de 80, para investir em um novo mercado: a produção de rochas ornamentais. Eles escolheram o município de São Domingos do Norte, no Espírito Santo, para dar início ao novo sonho e, em 1989, nascia a Mineração Guidoni.


Em 32 anos de história, a mineradora se transformou em um grupo composto por mais de 20 empresas especializadas na extração e no beneficiamento de rochas ornamentais. Atualmente, são 40 jazidas próprias para extração de rochas naturais, localizadas no Espírito Santo, Mato Grosso do Sul, Bahia, Goiás e Minas Gerais.


Além da sede em São Domingos do Norte (ES), que conta com um parque industrial de 100 mil metros quadrados, o grupo tem ainda unidade fabril em Narón, na Espanha, e a mais recente inaugurada no estado da Geórgia, nos Estados Unidos, com 250 mil metros quadrados de área e 70 mil metros quadrados de galpão. Em Verona, na Itália, a empresa trabalha com um showroom conceito, dedicado aos clientes do mercado externo.


À frente do comando administrativo do grupo desde 2015, o CEO Rafael Guidoni, destaca a relação próxima com o setor e a vontade de seguir com o legado e tradição da família iniciado há mais de três décadas.


“Eu cresci na Guidoni. Ao longo dos anos, convivendo com meu pai e meu tio, visitando canteiros e fábricas, fui me encantando, me envolvendo e me inteirando sobre a atuação da empresa, assim como Rayner, vice-presidente do Grupo. Essa convivência fez crescer nosso desejo de tornar a Guidoni um player ainda mais importante no setor”, conta.


“Tenho enorme motivação em ajudar a desenvolver ainda mais um negócio familiar que se tornou um grande Grupo e cuidar de um legado que vai permanecer por muitos anos, contribuindo para o crescimento da indústria nacional e do próprio país, e para a geração de empregos em diferentes continentes, com respeito à natureza e nossos colaboradores”, completa Rafael.



Considerada uma das maiores produtoras e comerciantes de granitos do mundo, a marca também pensou em estratégias para competir com o mercado de peças sintéticas e fabrica, desde 2015 na Espanha, e 2016 no Brasil, a linha de superfícies Topzstone, cuja matéria-prima é quase que exclusivamente composta por quartzo. A linha se diferencia no mercado por sua variedade de padrões, que atendem aos mais diversos estilos.


“Temos um sentido de inovação muito aguçado e uma real conexão com o mercado. Entendemos o pensamento e os desejos dos nossos consumidores, por isso, somos capazes de antecipar tecnologias e novos padrões de produtos”, afirma o empresário.


Entre os diferenciais da empresa, Rafael Guidoni destaca a diversidade do catálogo do Grupo, que extrai e beneficia três tipos de mármores, três quartzitos, além de 15 granitos (entre clássicos e exóticos) e 53 tipos de superfícies em quartzo Topzstone.



“Sem dúvida, saímos na frente quando o assunto é diversidade e qualidade de rochas naturais e superfícies em quartzo Topzstone. Hoje o Grupo Guidoni conta com opções exclusivas de pedras ornamentais como os granitos exóticos Black Taurus e Via Láctea, os quartzitos Emerald Green, Brazilian Onix e Mykonos e os mármores Maximus, Arabescatto e Salvatore. Além disso, a empresa tem uma marmoraria exclusiva pronta para atender demandas específicas dos clientes”, afirma.


Os números que compõem a trajetória de 32 anos do Grupo Guidoni mostram a grandiosidade da empresa que é uma das líderes no setor. São 110 mil metros quadrados de chapas de granito e quartzo produzidas todo mês. Além disso, a companhia abastece o mercado nacional e internacional com 15.000 m³ de blocos brutos por mês e 170.000 m² de beneficiamento de rochas naturais.


O investimento recente mais significativo na empresa, segundo Rafael, foram US$ 96 milhões para a instalação e início de operações da planta norte-americana, que conta com quatro linhas para produção de superfícies Topzstone. De acordo com o CEO do Grupo, a operação da unidade dos EUA acrescentará duas mil chapas por mês à produção total de 18 mil toneladas produzidas pelo Grupo Guidoni.


“Estamos sempre de olho naquilo que será tendência no que se refere a construção e decoração. Além disso, estamos sempre investindo em maquinário e pesquisa, assim inovamos tanto no manejo e fabricação, quanto na entrega de produtos com estéticas atuais, aliados a alta qualidade”, finaliza.



PING PONG

Rafael Guidoni
Rafael Guidoni

– Quais são os países em que a empresa mantém negócios?

R: Brasil, Estados Unidos, Espanha, onde estão localizadas nossas fábricas, Itália, onde está nosso showroom conceito, e 70 países, de cinco continentes, para os quais exportamos.


– Quais são os principais desafios de presidir uma indústria que está presente em tantos locais diferentes?

R: Sem dúvida, o principal desafio é equalizar a demanda global de suprimentos às necessidades mercadológicas de cada continente, sempre respeitando questões culturais de cada país onde estamos presentes e imprimindo a identidade Guidoni.


– Qual foi o maior desafio enfrentado até hoje pelo grupo?

R: Além da logística e da informalidade, que são desafios enfrentados por todo o setor de rochas ornamentais, temos feito um trabalho minucioso para ampliarmos nossos canais de venda e estratégias de marketing.


– Fora as atividades diárias do mercado de rochas ornamentais, a empresa trabalha com outras iniciativas?

R: O Grupo Guidoni também fornece coprodutos para projetos de engenharia e indústrias de tinta e cerâmica, por exemplo.


OS NÚMEROS QUE CONTAM A HISTÓRIA

  • 1989 é o ano de fundação do Grupo Guidoni

  • 1200 funcionários atuam hoje na empresa

  • 100 mil metros quadrados formam o parque industrial do Grupo em São Domingos do Norte (ES) e 250 mil metros quadrados de área total compõem a nova unidade nos Estados Unidos

  • US$ 96 milhões foram investidos na fábrica norte-americana

  • 18 mil toneladas de chapas de rochas naturais e superfícies Topzstone são produzidas mensalmente pelo Grupo

  • 15 granitos clássicos e exóticos, 3 tipos de mármores, 3 quartzitos e 53 tipos de superfície em quartzo Topzstone estão no catálogo da Guidoni, além de mármores e quartzitos exóticos

  • + de 40 jazidas próprias

  • + de 70 países são parceiros comerciais da empresa





Matéria original: https://www.revistarochas.com.br/wordpress/2021/09/22/grupo-guidoni-tipo-exportacao/